Você está visualizando atualmente Doenças respiratórias mais comuns

Doenças respiratórias mais comuns

O inverno é uma época do ano que pode trazer muitos problemas para a saúde, especialmente para o nosso sistema respiratório, existindo várias doenças respiratórias que podem desenvolver-se ou agravar-se durante este período. É importante estar ciente destes problemas e saber como evitá-los e tratá-los.
Neste artigo, vamos explorar 3 doenças respiratórias mais comuns e dar a conhecer a forma de preveni-las e tratá-las.

Gripe:

A gripe é uma doença altamente contagiosa provocada por vírus (influenza A e B) que pode ser evitada por meio da vacinação anual. Lavar as mãos com frequência e evitar compartilhar objetos com pessoas contaminadas também pode ajudar a preveni-la. Se já estiver contaminado, é importante manter-se isolado para não contaminar outras pessoas, descansar, beber muitos líquidos e tomar medicamentos prescritos pelo médico ou indicados pelo farmacêutico para ajudar a aliviar os sintomas mais incómodos.

Se tiver gripe pode sentir:

  • arrepios ou sensação de frio
  • febre durante os primeiros dias, podendo alcançar 39 °C
  • cansaço e fadiga intensa
  • dores no corpo (particularmente nas costas e pernas)
  • dor de cabeça
  • garganta irritada e inflamada
  • sensação de ardor no peito
  • tosse seca que pode intensificar-se e causar expectoração

A maioria dos sintomas melhora após 2-3 dias podendo a febre durar até 5 dias.
Os sintomas de tosse, fraqueza, suores e cansaço podem prolongar-se durante vários dias ou semanas.

Constipação:

A constipação é provocada por vírus (principalmente rinovírus e adenovírus).
Não sendo tão contagiosa e manifestando-se habitualmente com sintomas mais ligeiros, a constipação é muito comum no inverno e deve ser tratada de forma adequada: repouso, beber grandes quantidades de líquido e evitar esforços ajudam muito na recuperação.

Os principais sintomas de uma constipação são:

  • garganta irritada ou inflamada;
  • espirros, corrimento nasal (com secreções aquosas e claras, abundantes que se tornam mais espessas, opacas, amarelo-esverdeadas e menos abundantes);
  • mal-estar geral;
  • febre leve (abaixo de 38º) no início dos sintomas;
  • tosse leve;

Os sintomas de uma constipação desaparecem habitualmente em 4 a 10 dias, mas a tosse frequentemente persiste por até 2 semanas.

Como tratar uma constipação e uma gripe?

Existem vários Medicamentos Não Sujeitos a Receita Médica (MNSRM) que ajudarão a tratar estas doenças respiratórias e que pode encontrar nas nossas farmácias  e que podem ajudar a aliviar os sintomas mais desconfortáveis destas doenças respiratórias.
O seu uso é opcional e dependente do mal-estar que a pessoa sinta.

Entre eles estão:

  • Descongestionantes nasais
  • Anti-alérgicos (que ajudam a secar o corrimento nasal)
  • Medicamentos anti-inflamatórios não esteróides (AINEs), analgésicos e antipiréticos, que podem ajudar a aliviar dores e reduzir a febre.
  • Medicamentos para tratar a tosse que podem ajudar a fluidificar as secreções, soltando o muco (expectorantes) ou que podem suprimir a tosse (antitússicos)

 

Tratamento doenças respiratórias

Rinite:

A rinite é uma inflamação e inchaço da membrana mucosa do nariz . Pode ser desencadeada por um vírus ou ser de origem alérgica e, neste caso, ser agravada durante o Inverno devido a uma maior exposição a factores irritantes (como pó e ácaros).

Os sintomas da rinite incluem:

  • corrimento nasal
  • espirros
  • congestão nasal.

A rinite de origem viral previne-se evitando o contacto com vírus, tal como acontece numa constipação e pode aliviar-se o desconforto usando descongestionantes (como oximetazolina ou fenilefrina – spray nasal, ou pseudoefedrina por via oral).
Os anti-alérgicos ajudam a controlar o corrimento nasal, mas alguns podem causar sonolência.

Para prevenir uma rinite de origem alérgica, é importante manter o ambiente limpo, usar um humidificador de ar e evitar fontes conhecidas de irritação. As plantas podem ser bons aliados pois são bons humidificadores naturais. Para aliviar a rinite alérgica, pode usar medicamentos antialérgicos (anti-histamínicos) prescritos pelo médico ou aconselhados pelo farmacêutico e evitar exposição aos irritantes.

 

Recorde: os antibióticos não ajudam a tratar doenças provocadas por vírus, mesmo quando há tosse e produção de muco. Estes só devem ser usados quando prescritos pelo médico e quando existem infecções provocadas por bactérias.

 

É muito importante ter atenção à nossa saúde respiratória durante o inverno.
Lavar as mãos com frequência, manter a casa bem ventilada, evitar contato com pessoas doentes, vestir roupas adequadas ao clima, evitar fumos e substâncias irritantes, e procurar tratamento médico se necessário, são medidas eficazes para prevenir e combater a estas doenças respiratórias comuns nesta época do ano.

Mantenha-se saudável!
Fale com a nossa equipa de farmacêuticos para qualquer dúvida sobre efeitos secundários da medicação, sobre qualquer uma destas doenças respiratórias ou para outras questões relacionadas com a sua saúde.

Fontes:
dgs
msd manuals

 

Deixe um comentário